TESTE: GHOST 320cc

A pequena Ghost 320cc, uma custom artesanal fabricada pela Regal Raptor Motorcycles, está presente em 60 países, inclusive no Brasil, onde tem um importador exclusivo da marca.

Bruno Moto

A convite de Bruno Maia, motociclista experiente e empresário responsável pela vinda ao Brasil dessas motocicletas especialíssimas, fomos conhecer sua loja situada na cidade de Americana/SP, a pouco mais de 130km da capital paulista e, é claro, testar um dos modelos mais exclusivos e sofisticados oferecidos pela marca ao mercado brasileiro: a Ghost 320cc custom.

Estoque de peças

Sem qualquer ostentação a loja comporta, além do mostruário de suas motocicletas, um imenso estoque das peças de reposição da marca, as quais são enviadas para o Brasil todo e até alguns países estrangeiros. Aliás, esse tem sido o método principal de venda das motocicletas: “pelo correio”, na verdade pelo site oficial da empresa, onde muitos fãs da marca conferem os modelos e fazem a compra.

Regal Raptor

Só então as motocicletas são montadas e enviadas ao cliente, onde quer que ele esteja. Ainda que a marca não tenha outras oficinas especializadas, além da própria sede na cidade de Americana, Bruno não se acanha: “o cliente pode levar a motocicleta em seu mecânico de confiança que o produto não tem segredo. As peças necessárias eu mando pelo correio, se precisar”.

Regal Raptor

E assim, várias motos deixam o estoque mensalmente depois de rigorosamente montadas e testadas. Uma coisa se pode avaliar, mesmo sendo a pessoa mais leiga no assunto: As motos demonstram excelente qualidade no acabamento e nos materiais utilizados, principalmente na grande quantidade de cromados utilizados nos modelos comercializados. 

.


PILOTANDO UM “FANTASMA”


A Ghost é a top de linha da fábrica e foi a que testamos para esta matéria, usando uma motocicleta que estava para ser entregue à uma cliente, depois de uma revisão, já que não havia nenhuma montada na loja do importador naquele momento.

Ghost 320cc

O teste da esperada motocicleta Ghost 320cc custom, com 15mil km rodados e parecendo zero km, aconteceu num final de semana ensolarado, já que nosso intuito era utilizamos a moto em vários tipos de pistas distintos, para aferimos o real conforto dessa pequena inédita motocicleta, que tem características esportivas que não estão presentes em nenhuma outra de sua faixa.

Ghost 320cc

Com um acabamento impecável e inovações tecnológicas pouco usadas nas motos de mesma categoria, mas que fazem a diferença, e com muito menos cromados que suas outras irmãs, mostra esportividade não só nas faixas negras desenhadas sobre o tanque e os paralamas, mas nas eficientes suspensões invertidas na frente e nos generosos pneus sem câmera na traseira.

Ghost 320cc

Antes de nos atrevermos a pilotar essa máquina para os testes que pretendíamos realizar, seguimos de perto Lucimara Furoni, a proprietária da moto, pelas ruas de Piracicaba onde mora, podendo perceber a facilidade de sua condução até mesmo para uma mulher de baixa estatura, como era nossa nova amiga motociclista.

.


NOSSA AVALIAÇÃO


 

Depois do belo passeio turístico pela “Noiva da Colina”, epíteto atribuído à cidade de Piracicaba, dirigimos para a periferia onde os testes seriam para valer. O Bairro escolhido foi o Monte Alegre, que alterna pisos de asfalto impecável, paralelepípedos irregulares e trechos precários de asfalto no anel viário, ao lado do Rio Piracicaba.


Dirigibilidade.

Ghost

A Ghost 320 é muito fácil de pilotar, com a frente bastante leve e segura. Trafega extremamente macia no asfalto liso, traduzindo conforto ao piloto que tem uma posição de pilotagem bastante cômoda. Já no paralelepípedo a moto sente um pouco, mas nada que uma boa regulagem na suspensão, na pressão nos pneus e na forma de sua sua condução, com velocidade moderada, não resolvam.

Ghost

No asfalto precário do Anel viário da cidade, entretanto, foi que a Ghost sentiu bastante e não era para menos. É preciso ter bastante cautela e bons rins para aguentar os solavancos constantes, principalmente em velocidades mais elevadas, afinal, trata-se de uma legítima motocicleta custom. Porém no trecho percorrido não sentimos os amortecedores baterem no fim do curso.


Motor

Ghost 320cc

A partida elétrica é eficiente e som do motor muito agradável, embora seu bicilíndrico carburado em linha fuja ao tradicional, por não ter seus cilindros em “V”. Entretanto, o visual inusitado faz com que pouco se repare nisso, já que o grande radiador frontal mostra imponência à moto. O torque é agradável e não pede constantes mudanças de marcha, resultando numa pilotagem prazerosa.


Pneus e freios

Ghost 320cc

.

A Ghost 320 cc calçou em suas rodas de liga leve um impressionante pneu 180/80, com aro 16”, na roda traseira, e um tradicional 80/90, com aro 21”, na roda da frente, ambos sem câmera. Para fazer parar essa máquina dois freios a disco na frente e um na traseira garantem frenagens precisas e suaves.

.


Consumo

Ghost 320

.

Para uma motocicleta que custa pouco mais de R$18mil, pesa a seco 180kg, com um tanque de combustível capaz de guardar 12 litros, já com a reserva, o consumo está dentro do esperado (25km/l), garantindo que se rode aproximadamente 250km, sem necessidade de abastecimento e sem entrar na reserva.

.


Design

Ghost

.

O visual da Ghost é muito bonito e não passa desapercebida, chamando a atenção de quantos a veem, mesmo àqueles que pouco conhecem de motocicleta, como aconteceu a um casal que fez questão de inseri-la no seu book gestante, quando estivemos testando a máquina.

.


Conclusão

Ghost 320cc

A avaliação foi positiva e o senão ficou por conta dos escapamentos um tanto “raquíticos”, sem preencherem de maneira  harmoniosa o imponente visual da motocicleta. Nem mesmo seu preço pouco acima dos R$ 18mil pode ser considerado óbice à compra, pois seus itens especiais quase sempre são acrescidos nas outras marcas, o que faz ultrapassar esse montante.

Ghost 320cc

Outro ponto que ao nosso ver poderia ser alterado é o ângulo do suporte do painel de instrumentos, já que a “caneca” com o velocímetro, odômetros total e parcial e luzes espiãs está logo a frente do guidão, porém voltada para cima, sendo quase impossível ao piloto visualiza-lo integralmente, sem que se incline para frente. 

.


Veja um pouco mais sobre a Ghost


OUTROS MODELOS DA FABRICANTE


Embora não tenhamos pilotado os outros modelos oferecidos pelo fabricante, pudemos examina-las detalhadamente na loja e trazemos ao leitor amigo nossas primeiras impressões:


Fênix Gold

Fênix 250cc

.

A Fênix é uma custom de 250cc, com motor bicilíndrico em linha e refrigeração líquida de cair o queixo. Linda, com freios a disco duplo na frente e simples atrás, tem 18,93HP de potência e um apelo estradeiro, trazendo de fábrica um belo sissi bar e um imponente protetor de motor.

.


Black Jack

Black Jack 320cc

.

Trata-se aqui de uma autentica Bobber de “rabo duro”, com ângulo de caster maior que de uma custom e molas sob o selim, reservado apenas para o piloto. Seu motor bicilíndrico em linha, com refrigeração líquida e ventoinha tem 320cc e 23HP de potencia. 

.


Spyder

Spyder 320cc

Extremamente atraente com as suspensões dianteiras alongadas, essa Chopper  estilo americano tem muitos cromados, chave de ignição e painel de instrumento no tanque e comando avançado. Seu motor é também um bicilíndrico em linha de 320cc, com uma potencia ligeiramente elevada em relação a Black Jack, com exatos 23,9HP e discos de freios nas duas rodas. 


Um pouco mais desses modelos

 MAIS FOTOS AQUI 


CRÉDITOS


Texto, imagens e edição: Marcos Duarte     

REGAL RAPTOR MOTORCYCLESBRUNO MOTO AMERICANA/SP/

Av. Carmine Feola, 824 – Americana / SP

fone: (19) 3648 4035  E-mail: contato@brunomoto.com.br

conheçam também:

VIDEOS YOUTUBE

FOTOS DO FLICKR

FOTOS 360º  

Deixe um comentário

comentários

Jornalista, advogado e editor do Portal D Moto, já foi colaborador da Revista Moto Adventure e do Portal Damas Aladas, trazendo imagens e textos dos mais diversos segmentos do motociclismo, já que pilota há mais 44 anos.

2 Comments

  1. Rogério Alves Fernandes disse:

    Bom dia. Gostaria de saber qual o comprimento e altura da Ghost 320.???

Deixe um comentário