CITY TOUR = SÃO CARLOS

 

Nosso City Tour da vez esteve em terras paulistas, na grande São Carlos, a 230km da capital, com uma população beirando aos 250mil habitantes.

 

Importante centro regional e industrial do Estado, com empresas multinacionais do porte da Volkswagem, Faber Castell, Husqvarna, Eletrolux e muitas outras, destaca-se também na produção da cana de açúcar, laranja, leite e frango.

Chega-se a São Carlos principalmente pela rodovia Washington Luiz, que é um verdadeiro tapete asfáltico, mas também por outras rodovias bem pavimentadas como a SP 215, a SP 318 e a SP 267.

Para uma cidade com esse potencial nada mais justo que um comércio a altura e, nesse sentido, São Carlos conta até com um Shopping Center da rede Iguatemi, o que confere um status extra à localidade.

Tanto progresso fez de São Carlos uma pioneira no campo da pesquisa, com algumas universidades instaladas no município e dois centros de desenvolvimento técnico da Embrapa.

A USP mantém dois campi na cidade enquanto a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar); o Instituto Federal de São Paulo, (IFSP); a FATEC; e o Centro Universitário Central Paulista (UNICEP), garantem as intensas atividades universitárias na região. 

São Carlos foi fundada na segunda metade da década de 1850 por iniciativas de Antonio Carlos de Arruda Botelho, já que localizada a meio caminho de São Paulo com as minas de ouro de Cuiabá e Goiás.

 

Pelo que se sabe ainda sem absoluta certeza, o lugar era habitado por índios “guaianases” que foram expulsos (ou exterminados), os quais seriam os responsáveis pela introdução das araucárias nas áreas do município, donde adveio o título de “Conde do Pinhal” ao seu fundador.

Sem uma data exata, a história atribuiu o dia quatro de novembro de 1857 como o de sua fundação, sob a proteção divina de São Carlos Barromeu, o padroeiro oficial da cidade que já se chamou São Carlos do Pinhal.

Se São Paulo é “sampa”, São Carlos é “sanca”, assim chamada informalmente pelos seus munícipes fixos e rotativos, muito comum numa cidade de cunho universitário e polo tecnológico que também é.

Sem nos atermos aos seus muitos predicativos fomos varando como nossa motocicleta as ruas apinhadas de veículos e vida agitada, em busca de seu centro comercial, rodando por grandes avenidas e ruas congestionadas.

Vira aqui, segue por aí e não tivemos como deixar de dar uma paradinha “espremida” em frente da Catedral de São Carlos, com sua cúpula de mais de 70 metros de altura e 30 de diâmetro.

Vale lembrar que a Catedral foi construída exatamente em cima da primeira capela da cidade. A despeito de toda obra de arte encontrada em seu interior, o pátio externo mantém caprichosamente desenhado em seu piso um mapa da cidade. É pouco ou quer mais?

São Carlos é uma cidade impossível de ser conhecida ou comentada em um único dia ou em poucas palavras, requerendo muito tempo para ser “descoberta” por todos nós.

Como nosso tempo urgia, deixamos “sanca” para trás com vontade de voltar em breve para curti-la melhor, em alguns dias seguidos de estadia. 

Para saber mais sobre São Carlos, visite o site oficial da cidade: http://www.saocarlos.sp.gov.br/ 


CRÉDITOS


Texto e Edição: Marcos Duarte     

conheça também:

VIDEOS YOUTUBE

FOTOS DO FLICKR

FOTOS 360º  

 

Deixe um comentário

comentários

Jornalista, advogado e editor do Portal D Moto, já foi colaborador da Revista Moto Adventure e do Portal Damas Aladas, trazendo imagens e textos dos mais diversos segmentos do motociclismo, já que pilota há mais 44 anos.

Deixe um comentário